FETRACOM | Fetracom - Federação dos Trabalhadores no Comércio nos Estados de Goiás e Tocantins

Notícias

Notícias Filiados

Vendas do varejo voltam a subir

Publicado em : 15/03/2018

Fonte : Estadão -

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 0,9% em janeiro, informou ontem o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado compensa a queda de 0,5% registrado em dezembro.

Na comparação com janeiro de 2017, sem ajuste sazonal, a atividade do varejo teve alta de 3,2% em janeiro. As vendas dos supermercados subiram 3,1% em janeiro, na comparação com o mesmo mês de 2017, dando a maior contribuição positiva para o avanço de 3,2% registrado pelo varejo no período.

Em relação a janeiro do ano passado, seis das oito atividades registraram melhora em janeiro deste ano. Além de supermercados, houve expansão significativa também em Outros artigos de uso pessoal e doméstico (10,5%); Móveis e eletrodomésticos (5,3%); e Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (5,4%).

No varejo ampliado, que inclui as atividades de veículos e material de construção, as vendas cresceram 6,5%. O setor de veículos e motos, partes e peças avançou 18,2%, enquanto material de construção subiu 7,3%. De acordo com os economistas, o cenário prossegue favorável para o consumo, ainda que com algumas limitações, como o desemprego elevado.




No Brasil, mãe recebe até 40% menos

No Brasil, mãe recebe até 40% menos

 11/12/2018

 Estado de São Paulo

Além das distorções salariais em relação aos homens, as mulheres enfrentam um outro desafio no mercado de trabalho - quanto mais filhos elas têm, menor é o salário que elas ganham. A diferença não é pequena, uma [...]


Desocupação no Brasil subiu para 12,5% entre 2015 e 2017

Desocupação no Brasil subiu para 12,5% entre 2015 e 2017

 05/12/2018

 Agência Brasil

A taxa de desocupação no Brasil, que era de 6,9%, subiu para 12,5% entre 2014 e 2017, o que significa 6,2 milhões de pessoas desocupadas a mais no período, com crescimento em todas as regiões e em todos os grupos etários. O trabalho informal chegou a [...]









Profissionais precisam ser cada vez mais digitais

Profissionais precisam ser cada vez mais digitais

 19/11/2018

 Folha de Londrina

O lápis apoiado sobre a orelha e um bloco para anotar os pedidos nas mãos. Foi assim que Rosenbergue Bueno, 64 anos, começou a trabalhar como balconista em uma loja de material de construção em 1974, em Londrina. A experiência adquirida ao longo de [...]